quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Tem noites que são dias...

Até que ponto dois e melhor que um?
Até que ponto vale a pena remar?
Até aonde vai o pra sempre?
O tempo cuida das promessas?
É fácil não dizer, difícil é não sentir...
Sabe eu realmente penso que devo ser uma grande merda por ser tratada como sou, não da pra entender um amor assim que maltrata, que machuca, e que doi assim como uma ferida permanente, eu sinceramente já não sei o que fazer...surpresas,ligações,saudades, nunca nunca nunca chuegam nem perto de surtir algum efeito.
As coisas mudam e saiem do nosso controle chegando a um ponto em que não reconhecemos mais aquilo que era "nosso".
Estranho neah? Ser tudo para alguem e em um minuto se transformar em nada.
E eu choro não por fraqueza e sim por pensar que eu mereço um tratamento melhor, eu mereço atenção e carinho.
As vezes eu me perguntoo que eue stou fazendo insistindo em algo que parece não se consertar nunca, parece que o amor por mim se acabou faz tempo e so o meu amor ficou com uma vela acesa tentando iluminar a escuridão do quarto, e dormir na mesma cama não e o suficiente para mim, eu quero mais.
E por vezes viro outra vez aquilo que era antes: fechada, sozinha, perdida no meu quarto, longe da roda e de tudo: uma criança assustada. E minutos depois volto a sorrir, e esqueço o medo do escuro.
Eu nem sei o que isso é.
Eu nem sei de verdade o que sou para você.
Mas sei bem o que sou para mim, esinto uma vontade louca de achar um lugar onde eu pudesse experimentar por mim mesmo as minhas asas para descobrir, enfim, se elas são realmente fortes como imagino. E se não forem, mesmo que quebrassem ao primeiro vôo, mesmo que após um certo tempo eu voltasse derrotada, ferida, humilhada - mesmo assim restaria o consolo de ter descoberto que valho o que sou.
 E somais outra noite dificil,amanhã estarei feliz e alegre falando da cirurgia,que sim vai mudar a minha vida, remexer o meu mundo e quem sabe algum sentido venha...

As vezes canso.
Desculpa o desabafo.

4 Impressões:

Dani e Ted disse...

Oi Hanna,
Obrigada por ter vindo me visitar!
Essa fase já acabou, é como uma outra época, em outro ano (nesse caso, literalmente).
Minhas roupas não tem mais lycra, minhas calcinhas não se desmancham mais.
Não tenha dúvidas sobre a sua decisão. É como partir para a briga de uma forma mais justa! Com armas mais potentes, vamos dizer assim!
Quanto a auto-estima, acredito que vai te fazer um bem enorme. Vai te dar a dimensão do que você é, do seu real valor.
Não se esqueça, as pessoas só respeitam a quem se dá respeito.
Quando um gordo emagrece, entra na categoria respeitabilidade. É triste, mais c'est vrais!
A gente vai se falando.
Bjo

Débora Durães disse...

Ola Hanna,
Obrigada por ter ido ao meu cantinho;
Vou ficar bem sim se Deus quiser.
Estou torcendo por vc, pode ter certeza depois da cirurgia muita coisa vai mudar, principalmente em relaçao ao parceiro. O meu mudou p/ melhor, ainda bem né.
Essa fase vai passar.
Estou te seguindo tbm.
bjos.
http://afterbariatrica.blogspot.com/

Karine Silva disse...

Oi Hanna!! adorei sua visitinha e seu recadinho no meu cantinho!!! estou aqui para retribuir o carinho... adorei seu blog vou te seguir sempre tá se der deixa sua marquinha tambem nas minhas seguidoras um abraço linda e estamos juntas nessa ok!!! meu msn é linka_silva@hotmail.com me add se der bju!!! adoraria conversar com vc!!! PS.vou ler seu blog todo ok!!

Vanessa disse...

Oi Hanna,tudo bem?
Fiquei feliz pela sua visita no meu cantinho!!
Ai amiga q bom,q sua cirurgia ja sera marcada!!
Entao acabei de saber agora pouco q minha pericia foi agendada para 16 de fevereiro,dez dias antes da cirurgia!Ai amiga to super ansiosa!Mas nos conte tudinho qdo sera marcada a sua!
To te segundo tbm ta amora?
Volte sempre ta?
beijos e boa sorte p nós
E vamos q Vamos..Huhuuuuuuu

Postar um comentário